Carregando...

ALMT - TODA VIDA IMPORTA PUBLICIDADE
[ANUNCIE] Interna Lateral Grande 1 PUBLICIDADE
Facebook
$PUB_interna_grande_2$
Newsletter

FIQUE POR DENTRO!

Cadastre-se para receber boletins com as novidades do nosso site em seu email gratuitamente.

É só informar seu email no campo abaixo e clicar em “Assinar”.

[ANUNCIE] Interna Lateral Pequena PUBLICIDADE
AS ÚLTIMAS DE Política
O governador Mauro Mendes (DEM) afirmou, nesta terça-feira (14), que deverá fazer mais cortes na máquina pública caso a atividade econômica nacional siga em ...
Política 14 de maio 2019 15h:10
Governador Mauro Mendes vê economia em "franco declínio" e admite mais cortes

O governador Mauro Mendes (DEM) afirmou, nesta terça-feira (14), que deverá fazer mais cortes na máquina pública caso a atividade econômica nacional siga em queda nos próximos meses.  

Mendes afirmou que existem sinais de que a economia está em "franco declínio", o que vai impactar diretamente na arrecadação e, consequentemente, no funcionamento da máquina. 

“Nós temos que ir acompanhando a evolução da economia brasileira. Já existe um sinal claro de que o PIB [Produto Interno Bruto], ou seja, a atividade econômica, está em franco declínio este ano”, afirmou Mendes, durante evento em Várzea Grande.

“E se isso realmente se confirmar, como vem se confirmando nos primeiros meses, vai afetar profundamente a arrecadação. Se entra menos dinheiro, temos que cortar mais despesas”, completou.

“Nós estamos tomando várias medidas de maneira silenciosa. Eu não sou uma pessoa que gosta de ficar tomando medidas espetaculosas. Eu faço, no dia-a-dia, medidas importantes de corte de gastos, redução de despesa, tanto que já é perceptível para muitos setores que o Governo já melhora seu desempenho, mesmo no momento de crise”, disse o governador. 

Em janeiro, o governador conseguiu a aprovação, junto ao Legislativo, de um pacote de medidas para contenção dos gastos públicos, denominado “Pacto por Mato Grosso”. O objetivo do Estado é reduzir o déficit de R$ 3,5 bilhões nas contas públicas.

Diminuindo déficit

Com os projetos aprovados no início do ano, o Executivo vem conseguindo diminuir seu déficit. Em janeiro, o Estado ficou no vermelho em R$ 168 milhões. Em fevereiro foi de R$ 118 milhões, caindo ainda mais em março, fechando em R$ 60 milhões. Em abril, houve uma alta, com o déficit fechando em R$ 72,8 milhões.

Inicialmente, a previsão era de fechar o ano com R$ 1,8 bilhão em restos a pagar.

vídeo
galeria
0
mais notícias
Nenhum comentário foi publicado.
Escreva seu comentário abaixo.
  • João Oliveira, há 9 horas atrás
    Quisque purus libero, sagittis sit amet posuere a, hendrerit scelerisque odio. Nam tincidunt, dolor nec vehicula imperdiet, ligula massa pharetra turpis, in mattis est lacus nec felis. Nam cursus libero nec odio semper eu tincidunt mauris ullamcorper. Donec porttitor mi eu libero bibendum iaculis. Ut tempor est vel nibh suscipit in sodales risus placerat. Responder
    João Oliveira, há 9 horas atrás
    Quisque purus libero, sagittis sit amet posuere a, hendrerit scelerisque odio. Nam tincidunt, dolor nec vehicula imperdiet, ligula massa pharetra turpis, in mattis est lacus nec felis. Nam cursus libero nec odio semper eu tincidunt mauris ullamcorper. Donec porttitor mi eu libero bibendum iaculis. Ut tempor est vel nibh suscipit in sodales risus placerat. Responder
COMENTÁRIOS (0)
Próximo » « Anterior
Próximo » « Anterior
Adicionar comentário
  • Seu nome
  • Seu e-mail
  • Website
Incorreto. Por favor, tente novamente.
Digite o código acima: Digite os números que você ouve:
  • Seu comentário
Escrever comentário
- Desculpe, ocorreu um erro inesperado.
Recemos seu comentário por aqui.
Obrigado por participar :D
2012 © mt fatos - Todos os direitos reservados.
Avenida Coroados, 433 - Centro - Jaciara/MT - 78820-000
contato@mtfatos.com.br - (66) 3461-1849
Desenvolvido por artedinâmica
2012 © mt fatos